Empreendedorismo: como abrir loja virtual

Ter sua empresa no universo online é uma oportunidade de negócio bastante lucrativa – se o seu caso é como abrir loja virtual, a questão ainda é mais positiva ainda.

Entretanto, é preciso saber como legalizar uma loja virtual para garantir que a empreitada dê certo e não esbarre em obstáculos legais.

Por isso, hoje, separamos nosso espaço para que você descubra como fazer para começar o seu negócio online da forma correta.

Preparado? Então, confira algumas dicas para se certificar de que você seguiu todos os passos para começar o seu e-commerce.

“Existe a irregularidade e ela é maior do que se pensa”

Infelizmente, a irregularidade é uma situação comum para várias lojas online no Brasil.

Por ser uma loja em um ambiente digital, existem várias dúvidas a respeito da legislação e de como esse tipo de negócio pode ser regularizado. Por isso, os empreendedores, normalmente, se confundem na hora de começar seus empreendimentos virtuais.

Não é incomum que os negócios online sejam conduzidos de forma irregular, isto é, sem registro para operar, ainda que no ambiente virtual.

Esse não será o seu caso, meu caro! Vamos regularizar seu e-commerce!

“Preciso ter um CNPJ?”

Sim, meu caro. Precisa. Se você for abrir uma loja virtual, a criação de um Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica, o famoso CNPJ, é uma obrigação. É fundamental que crie um CNPJ o mais breve possível. É uma forma de dar credibilidade à sua loja e de passar alguma segurança jurídica para os clientes de que tudo está sendo feito dentro das regras.

Só para lembrar, o CNPJ é emitido pela Receita Federal e a solicitação para tirar um pode ser feita de forma online, por meio do site da instituição. Para isso, é necessário apresentar uma documentação básica que permita o registro.

Você precisa preencher a Ficha Cadastral da Pessoa Jurídica (FCJP) e entregá-la junto com o Quadro de Sócios e Administradores (QSA). Isso irá indicar quem, exatamente, faz parte da sua empresa.

Além desses dois documentos, outros podem ser requisitados pelo Governo Federal. Mas, o envio de cada um deles pode ser feito via Correios ou pode ser entregue em uma Junta Comercial que tenha convênio com a Receita.

Uma empresa especializada para abrir a sua empresa virtual

Ela fará tudo o que foi dito acima para você. Essa, definitivamente, é a alternativa para quem não deseja perder tempo e não errar.

Claro que isso gera um custo, que varia de profissional para profissional. Então, faça uma pesquisa antes de bater o martelo sobre a melhor maneira de obter seu CNPJ.

Então, o primeiro passo para regularizar sua loja virtual é registrar a sua empresa – seguindo os passos acima mencionados. Assim, você terá o seu CNPJ e estará devidamente registrado.

Com o CNPJ e todos os documentos necessários para iniciar as operações, você dará os primeiros passos para vender dentro da lei.

Agora, realmente, começa a abertura de sua loja virtual

É preciso apresentar de forma simples, direta e clara, em seu novo site:

  • O CNPJ, a Razão Social e o endereço físico completo do negócio em todas as páginas. Lembrando que ele não deve ficar exposto de forma prejudicial ao layout do seu site. Pode ficar localizado no rodapé!
  • Dados como email e telefone também precisam estar devidamente expostos – ou, o que pode ser até mais favorável para a criação de email marketing, formulários de contato a serem preenchidos pelos visitantes.

Os produtos

Os produtos de sua loja virtual precisam conter descrições detalhadas e precisas, sempre condizentes com o que é realmente vendido.

Para roupas e afins, é importante inserir medidas exatas, instruções de manuseio e lavagem, entre outros dados que podem ser do interesse do consumidor.

As fotos precisam ter qualidade, mostrar bem o produto e representar o que o comprador irá obter de fato. Pense no seguinte: de nada adianta expor um produto com cores editadas pelo computador, se quando ele receber as cores forem diferentes.

Além disso, você precisa ter cuidado ao pensar na seguinte questão:

Como os seus clientes pagarão pelos produtos?

Escolha plataformas seguras e confiáveis, como o PagSeguro, por exemplo. O PayPal também é uma opção, apesar de não aceitar parcelamentos. Com isso, o ideal é sempre investir na diversidade para que, assim, os seus compradores possuam opções diversas.

Porém, escolher não basta.

Será preciso mostrar ao cliente as opções de pagamento que ele possui à sua disposição. Para isso, exponha as bandeiras de cartão de crédito aceitas, opções de internet banking e plataformas de pagamento, além da opção boleto.

“Existem regras como o direito do arrependimento?”

A resposta para essa pergunta é um sonoro “SIM”. Existe uma regra chamada Direito do Arrependimento.

Com ela, o comprador tem até 7 dias úteis para se arrepender da compra e a cancelar. O que muitos lojistas não sabem é que esse prazo não é contado a partir do momento de decisão de compra e, sim, do recebimento do produto.

E mais: o cliente não arca com a devolução. Todo o valor da compra – incluindo o que foi pago pelo frete – deve ser estornado.

Essa informação é de suma importância, então, nossa dica é: exponha a mesma em seu site e evite futuros problemas!

Contabilidade para loja virtual

Por último, mas, não menos importante, para que a sua loja virtual funcione bem e tenha todo o sucesso que você deseja alcançar, é preciso que todos os processos contábeis estejam dentro dos conformes.

Aqui, nosso momento de brilhar: que tal conversarmos para averiguar melhor a situação? A Rede Legalizar é uma empresa especializada na abertura de empresas – incluindo lojas virtuais – e, sem dúvida alguma, será um prazer te ajudar!

Caso também tenha dúvidas sobre como abrir loja virtual, entre em contato!

Se precisar de dicas e ajuda para tirar seu sonho do papel, entre em contato conosco. Estamos sempre prontos a te auxiliar.

Regularizar empresa: como detectar uma empresa em situação irregular

Abrir CNPJ de Forma rápida

Baixe seu E-book: Preparação para uma Gestão Espetacular: https://materiais.previsa.com.br/ebook-guia-do-sucesso-para-abertura-de-empresas

Imagem_book_guia_do_sucesso_na_abertura_de_empresas_placeit

Se tiver alguma dúvida, deixe aqui o seu comentário ou entre em contato conosco por meio do site: https://redelegalizar.com.br/contato/

Solicite um orçamento

Siga-nos também nas redes sociais e inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do universo da contabilidade.

Facebook: https://www.facebook.com/redelegalizar/
Instagram Previsa: https://www.instagram.com/redelegalizar/
Blog: https://redelegalizar.com.br/blog/

 

O que você achou desse post?
  • Ótimo (0)
  • Útil (0)
  • Poderia ter mais informações! (0)

Deixe uma resposta