Tudo que você precisa saber sobre abertura de empresa

O primeiro passo necessário para colocar em prática o projeto de abertura de empresa, é realizar a pesquisa, referente sobretudo, a consulta e viabilização, referente ao nome empresarial que será adotado.

Se trata de uma pesquisa prévia, que tem como intuito, informa-se na junta comercial do estado onde a empresa pleiteia sua abertura, se há ou não, nomes idênticos ou parecidos com aquele que o empreendedor pretende utilizar.

Em linhas gerais, este é um procedimento bem simples, bastando apenas o preenchimento com o nome da empresa no campo de buscas do site da Junta Comercial relacionada a área de atuação e, posteriormente, um formulário on-line com o requerimento da viabilização da abertura do negócio.

Além disso, é necessário verificar junto à prefeitura da cidade onde a empresa será localizada, quais os trâmites exigidos para a concessão do Alvará de Funcionamento.

O que eu devo saber na hora de abrir uma empresa?

Dicas de administração e finanças

Para o sucesso de um empreendimento, é crucial que, na ocasião da abertura de empresa, o empresário tenha algum conhecimento sobre finanças e administração.

Tratam-se de 2 pilares importantes para a jornada empreendedora, contribuindo efetivamente para que a empresa seja bem-sucedida.

Para sair-se bem deste desafio, siga algumas dicas práticas a seguir:

  • Eduque-se financeiramente

Como estão suas finanças pessoais? Se a administração do seu próprio dinheiro não vai bem, ligue o sinal de alerta: é preciso fazer esforços contínuos e educar-se financeiramente, para poder, posteriormente, colocar em prática na empresa, um eficiente controle de administração do caixa.

  • Separe as finanças da vida pessoal e profissional

Um erro comum é estimar o valor do Pró-labore (remuneração do sócio ou gerente), executar retiradas do caixa da empresa e misturar as finanças empresariais e pessoais.

Organize-se, tenha contas diferentes para não prejudicar a administração financeira da sua empresa.

  • Entenda a diferença entre faturamento, lucro, despesas e investimentos

Abertura de empresa implica no domínio prévio de alguns conceitos-chave, como por exemplo, a diferença entre o que é investimento e despesa, lucro e faturamento, por exemplo.

Ao pensar em investimento, tenha em mente que é um recurso a ser aplicado para em um determinado período, amplificar os lucros da empresa, sendo que o lucro é o resultado positivo de sua empresa, após efetuar todos os descontos.

Acompanhe a situação financeira da empresa, por meio do demonstrativo de resultados

  • Familiarize-se com termos técnicos

Os principais termos a lidar, quando estamos executando a abertura de empresa, são capital de giro e ponto de equilíbrio. O primeiro, refere-se ao valor que se possui em caixa para manter a empresa atuando, enquanto o segundo, diz respeito a harmonia entre receita e despesa.

Abertura de empresa: erros que você não deve cometer

Na abertura de empresa, há algumas situações em que o empreendedor, exatamente por desconhecer alguns trâmites, acaba cometendo uma série de erros, prejudicando assim o bom andamento dos negócios.

Confira a seguir, alguns dos principais erros que você jamais deve cometer:

  • Desconhecimento do mercado

Quando falamos em abertura de empresa, implicitamente já devemos pensar também em seu mercado de atuação, possuir expertise na área, além de conhecer quem é o seu público alvo.

Estes fatores são muitas vezes, determinantes para que a empresa atinja uma boa situação no setor, portanto, procure levantar todas as informações a respeito do mercado, leia muito sobre o assunto, faça pesquisas e esteja munido do máximo de conhecimento possível.

  • Não executar um planejamento bem estruturado

Planejamento é tudo. E ele deve envolver todos os aspectos da empresa, seja ela micro ou macro. Caso contrário, sua empresa, por melhor que seja a ideia do negócio, poderá não ir para frente.

Defina no planejamento tópicos, como: Gastos mensais; Recursos necessários; Capital de giro; Margem de lucro, e demais fatores relevantes.

  • Formação de uma equipe inadequada

Um erro recorrente na abertura de empresa é escolher a equipe com base nos laços de amizade, sendo que o ideal é levar em conta aspectos como eficiência, comprometimento e habilidades na execução das tarefas.

É preciso separar o âmbito profissional do pessoal e pautar a escolha de colaboradores de acordo com suas características, expertise e domínio de habilidades que contribuam para o crescimento do empreendimento.

  • Não saber lidar com a burocracia

No Brasil, um entrave na abertura de empresas é de fato uma questão burocrática. Pesquisas apontam que no Brasil, a média para abertura de empresa passa dos 50 dias.

Para facilitar, é interessante o empreendedor ter as seguintes informações:

  • Quais tributos necessitam de quitação;
  • Quais prazos para liberação de alvarás;
  • Que tipos de certidões necessárias colocar o negócio em prática, etc.

Como abrir uma empresa?

Para abrir uma empresa, após o processo de consulta, pesquisa e viabilização, você deverá:

  • Elaborar o contrato social: neste passo, define-se o(s) sócio (as), atividade da empresa, reconhecimento em cartório do nome e razão social da empresa;
  • Registro na Junta Comercial ou no Cartório de Pessoas Jurídicas;
  • Alvará de funcionamento/localização;
  • Inscrição Estadual: é por meio desta etapa que o empresário receberá a inscrição no ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços);
  • Licenças nos órgãos de regulação: ambiental, sanitária, normas de segurança, etc.

Resumo dos procedimentos para abertura de empresas no Brasil

ABERTURA DE EMPRESA

Fonte: Sebrae.

Documentos necessários

No ato da Inscrição Estadual, o empreendedor, via de regra, deve apresentar os seguintes documentos:

  • DUC (Documento Único de Cadastro), em três vias;
  • DCC (Documento Complementar de Cadastro), em 1 via;
  • Comprovante de endereços dos sócios, cópia autenticada ou original;
  • Cópia autenticada do documento que prove direito de uso do imóvel, como por exemplo o contrato de locação do imóvel ou escritura pública do imóvel;
  • Número do cadastro fiscal do contador;
  • Comprovante de contribuinte do ISS, para as prestadoras de serviços;
  • Certidão simplificada da Junta (para empresas constituídas há mais de três meses);
  • Cópia do ato constitutivo;
  • Cópia do CNPJ;
  • Cópia do alvará de funcionamento;
  • RG e CPF dos sócios.

Quantos aos documentos necessários para executar a abertura da empresa, a lista é a seguinte:

  • Contrato Social ou Requerimento de Empresário Individual ou Estatuto, em três vias;
  • Cópia autenticada do RG e CPF do titular ou dos sócios;
  • Requerimento Padrão (Capa da Junta Comercial), em uma via;
  • FCN (Ficha de Cadastro Nacional) modelo 1 e 2, em uma via;
  • Pagamento de taxas através de DARF.

Custo de abertura de empresas no Brasil

Em média, o custo de abertura de uma empresa no Brasil, levando em consideração todas as
etapas e taxas nos 27 estados e todos os portes e setores de comércio, serviço e indústria,
é de R$ 2.038.

ABERTURA DE EMPRESA custosDentre os estados, o maior custo registrado foi em Sergipe, com R$ 3.597 e o menor na Paraíba, com R$ 963. Então, o custo pode variar muito. Na comparação anterior, a variação foi de 274%.

Do custo total de abertura de empresa, o visto do advogado e do alvará do corpo de bombeiros correspondem a mais de 60%.

Destaca-se ainda o custo do alvará sanitário e do alvará de funcionamento, além do custo de registro da junta de registro da junta comercial.

 

O que você achou desse post?
  • Ótimo (1)
  • Poderia ter mais informações! (0)
  • Útil (0)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *